Herois do Olimpo RPG

Fórum de Mitologia Grega baseado em Percy Jackson e os Olimpianos e Os Heróis do Olimpo!

Autores nos tópicos

Dom 2 Jul 2017 - 20:55 por Ártemis

Autores nos tópicos

Recentemente adicionei em todos as postagens do tópico de Tutoriais e Guias bem como
o tópico da Biblioteca o nome de quem fez, quem ajudou a fazer, quem editou (boa parte do conteúdo), e quem ajudou com a ideia.

Assim temos uma visão mais clara de pessoas que, apesar de a maioria não saber, ajudaram com o crescimento e evolução do fórum.

Lembrando que todo o conteúdo criado para o fórum é de autoria do mesmo. Todo "direito autoral" que estabelecemos aqui é de Rick Riordan, o criador das séries Percy Jackson e Os Heróis do Olimpo.


Comentários: 0

EVENTO DOUBLE ALEGRIA DE FÉRIAS

Ter 27 Jun 2017 - 14:28 por Selene

Evento Double Alegria de férias



Evento válido do dia 01/07/2017 até 15/07/2017


Férias de Julho chegando e nada melhor do que um evento double pra levantar os ânimos do fórum. Chamem seus amigos e desfrutem do evento
DOUBLE ITENS, EXP e DRACMAS





Comentários: 1

Problemas com as contas Olimpianas

Dom 8 Jan 2017 - 13:29 por Quíron

Olá Olimpianos.

Depois de um backup feito no fórum os direitos de administrador de todos os olimpianos foram retirados automaticamente pela Forumeiros. A princípio é para esse erro já ter sido corrigido, se algum Olimpiano ainda estiver com problemas mande mp ou fale comigo no Facebook: https://www.facebook.com/paulohenrique.morais.9

Desculpe o transtorno, Quiron.


Comentários: 0

Vagas de Deuses Menores!

Sab 17 Dez 2016 - 21:20 por Poseidon


Temos vagas!


Final do ano, férias escolares, fórum ativo. Sabem o que isso significa? Sim, estamos precisando de narradores! Sempre quis narrar para seus amiguinhos mas nunca soube como? Pois bem! Siga os passos a seguir e junte-se à equipe!

Perguntas:


Qualquer um pode ser Deus menor?

Sim, mas devem seguir alguns critérios:
1. Estar no fórum a mais de 1 semana
2. Ter noção de narração e combate
3. Saber tudo que tem no Tutorial de combates, rodadas e turnos


Como eu faço para ser Deus?

Mante um MP (Mensagem Privada) para mim, Poseidon, e eu negociarei os cargos com quem estiver interessado.


Mas eu quero ser Olimpiano, como faz?

Primeiramente, todos deveram começar …


Comentários: 0


Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

 » Arenas » Arena MvP » 

Ir à página : Anterior  1, 2, 3  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 2 de 3]

Re: MvP Teste - AUSTIN HOWTHORNSKI

por Selene em Sab 16 Jan 2016 - 15:29

Selene

avatar
Deusa Menor
Deusa Menor
Ver perfil do usuário
O semideus sentiu sua capacidade aumentar diante do local em que se encontrava. O gigante continuava a gargalhar da cara do semideus, a cada novo som um solavanco percorria a espinha do legionário.

Austin sabia que deveria agir, por isso resolveu utilizar suas habilidades o quanto antes, afinal ele sabia que era melhor prevenir do que remediar, nem tanto. O semideus percebeu que nada surtia efeito diante o gigante, e uma nova gargalhada surge:

-SEMIDEUS INGENUO HAHAHAHA. SOU MINOS ! O JUIZ DO INFERNO! PENSA QUE PODES ME DESAFIAR EM MEU ALTAR? MORRA PRIMEIRO PARA TER A DIGNIDADE DE MINHA ATENÇÃO HAHAHAHA.

O gigante então sorri sem emitir som. Ele então estala os seus dedos e a realidade estremece. Austin se via deitado num grande campo. O campo era vasto e coberto de vegetação rala e amarelada. O garoto não via horizonte algum, não havia céu e nem ninguém por perto, pelo menos por ora.

A voz de Minos  ressoa novamente:

-VAMOS FRACOTE, MORRA E TE DAREI ATENÇÃO, MEUS BEBES JÁ ESTÃO CHEGANDO E ELAS ESTÃO COM MUITA FOME, NÃO É TODO DIA QUE SE TEM CARNE FRESCA PRO JANTAR.

O semideus então sentiu auras medonhas naquele local. Olhou para cima e avistou a silhueta de sete criaturas aladas. Eram fúrias.  Austin teve tempo de notar os detalhes corporais delas, estavam diferentes e portavam armaduras. Os chicotes delas brilhavam, mas ainda estavam distantes para identificar o motivo da iluminação nas armas.

Obs: As furias alcançarão Austin em 30 segundos



#11

Austin Howthornski

avatar
Filho(a) de Timor
Filho(a) de Timor
Ver perfil do usuário
-SEMIDEUS INGENUO HAHAHAHA. SOU MINOS ! O JUIZ DO INFERNO! PENSA QUE PODES ME DESAFIAR EM MEU ALTAR? MORRA PRIMEIRO PARA TER A DIGNIDADE DE MINHA ATENÇÃO HAHAHAHA.

E desta maneira meu coração congelou, nenhuma das minhas habilidades funcionou em Minos e pensei como iria finalizar o gigante. Minos tem um grande poder de persuasão, me vi deitado em um campo vasto e coberto por uma vegetação rala e amarelada, talvez seca. Não havia ninguém ali, nenhum sinal de existência humana, eu estaria num lugar isolado na terra ou apenas dentro de uma ilusão? Confesso que a segunda opção seria perturbadora.
Após um período de observação, fúrias deram forma, eu estava em desvantagem. As fúrias estavam em uma velocidade intimidante, o que poderia comprometer minha integridade física.

Olhei para meu compartimento para adagas no meu cinto, eu não poderia arremessar minha lança e correr o risco de perdê-la. As furias tinhas armaduras, chicotes e algo brilhante que ainda estava longe demais para se avistado com perfeita visão.
A velocidade era enorme, minha opções eram vastas, mais eu iria lutar até o fim.

Coloco meu escudo medonho a frente do meu corpo para me defender, quando elas se aproxima-sem no mínimo iriam recuar visualizando o que mais teme na face do meu escudo.
Logo pego minhas adagas nos compartimentos do meu cinto e as arremesso contra as fúrias que logo se aproximarem, me certificando de nenhum ataque pelas outras direções invocando uma |Barreira Elemental| de fogo.

Protejo meu corpo ao máximo, sempre pondo o escudo em frente ao meu corpo e cuidadosamente lançando uma adaga em cada fúria, contando com minha barreira para me proteger.


Ativa utilizada:

Nível 2 - Barreira Elemental [Inicial]: Invoca uma barreira elemental que segue os movimentos do personagem por dois turnos. Custa 40 de energia, a habilidade entrará em espera durante três turnos.

Equipamentos:
- Elmo Comum
- Peitoral de Couro
- Espada Curta
- Escudo Médio
- Lança [Média]
Adaga de Arremesso [x10][✇ - ❶]
**Lança "Deep Fear" [Média][Duas pontas c/ lâminas]*[ferro mortal e bronze celestial]
*** Esfera Explosiva [Média]
**** Kit de Ouro
- Adaga de Runas £
- Escudo Medonho ☼
__________________
Acessórios:

- Máscara do Medo *
- Cinto de Couro ^
- Anel com uma uva em cristal.
- Canivete grego.
- Isqueiro Zippo.
__________________
Mochila Comum:

- Poção de Cura [Heróico] (x5)
- Poção de Energia [Heróico] (x4)
- Cantil de Cura [Mítico][4 goles]
- Cantil de Energia [Mítico][4 goles]
- Cantil de Cura [Heróico] [2 goles] (5x)
- Cantil de Energia [Heróico] [2 goles] (5x)
- Mercúrio Personalité [Fraco] (1x)
- Marte Personalité [Fraco] (1x)

__________________
Outros:

- **** Chocolate com pimenta
- Camisa insujável ''Lutar Like a Belona''
- Calça de suportes.
__________________




HOWTHORNSKI, Austin.

As sombras me iluminaram.

#12

Re: MvP Teste - AUSTIN HOWTHORNSKI

por Selene em Qui 21 Jan 2016 - 20:02

Selene

avatar
Deusa Menor
Deusa Menor
Ver perfil do usuário
O filho de Timor agiu. Talvez seu TDAH o ajudou a tomar a iniciativa necessária para a ação. O garoto por ser ancestral da Magia, rapidamente invocou uma barreira elemental para  conter as fúrias.

Ele utilizara seu escudo para se estabilizar mais durante sua batalha, um movimento bem astuto e sábio para um romano. O garoto esperava pelo pior, sabia como demônios funcionavam e principalmente por elas estarem em seu habitat natural.

O semideus aguardou tanto um ataque mais ele não aconteceu. As fúrias aterrissaram, as sete formaram um circulo ao redor do semideus, porem a uma distancia de 3 metros, longe das chamas.

Elas riam com escarno, a zombaria era muito alta. Aquilo irritava qualquer um, era um dos poderes das fúrias. Austin sentia o ódio preenchendo seu corpo, sua mente, seu coração.Os demônios então estenderam os braços e começaram uma oração. Algo em um dialeto mais antigo que latim, e até mesmo grego.

Recitaram aquilo por alguns segundos e logo Minos estava lá. O juiz do inferno encontrava-se fora do circulo. Trajava uma armadura similar a de um deus. O material era todo negro, o elmo emitia sombra que cobria seus olhos. Em seu braço esquerdo uma lança estava disposta a combate e a suas costas pendia um belo escudo negro.

O juiz soltou uma gargalhada e advertiu o semideus:

-VAMOS TOLO. DESISTA, ENTREGUE-SE! LOGO SUA MAGIA SERÁ CONSUMIDA AQUI E VOCÊ SERÁ UM MERO MORTAL. SEJA JULGADO DE UMA VEZ POR TODAS.

Ao ouvir aquelas palavras o coração de Austin deu um solavanco, como quando se corre por muito tempo e para repentinamente. A barreira de fogo fraquejou mas ainda estava ativa, bem mais fraca.

Austin sentia sua energia magica se esvaindo e seu lado humano e frágil vindo a tona.



#13

Austin Howthornski

avatar
Filho(a) de Timor
Filho(a) de Timor
Ver perfil do usuário
As oponentes não haviam atacado de maneira alguma, como um ritual arcaico até mais que a linguagem grega, Minos foi invocado o que me deixou intimidado já que o ser se tratava do juízo do inferno.
As fúrias estavam a três metros de mim, logo pego minha esfera explosiva e ouço irritado a zombaria dos demônios, o inferno deveria ser muito irritante com aquela zombaria ridícula que os demônios transmitiam. ''Por Hades!''. Minos entretanto demonstrou sua zombaria através de astuciosas palavras que havia de ser compreendidas de melhor forma e interpretação.

-VAMOS TOLO. DESISTA, ENTREGUE-SE! LOGO SUA MAGIA SERÁ CONSUMIDA AQUI E VOCÊ SERÁ UM MERO MORTAL. SEJA JULGADO DE UMA VEZ POR TODAS.

- Mesmo sendo o juíz do inferno você não tem o direito de me julgar, não agora.

Um mero mortal? Podia ser adequado se fosse um mero mortal como heróis de exércitos soviéticos treinados, antes de assumir minha paternidade com Timor eu era mais ou menos um mortal, aventureiro. Talvez eu poderia dar conta de me esquivar dos monstros e ceifá-los com Deep Fear.  

Minha barreira de fogo estava enfraquecida, senti minha humanidade vir a tona.

Mesmo com minha parte mortal estando superior a minha parte deusa em preparo na prática posição de hoplitas observando atentadamente os movimentos de Minos e dos demônios, inclusive observando o território e se há alguma saída.

Caso os monstros me ataque utilizo minha esfera explosiva para afastar os demônios do sul e sair por lá me defendendo dos oponentes sempre com o sangue romano nas veias, caso apenas as esferas afastem-as e elas voltem as suas posições vou com meus escudo e tento as impulsionar para fora do círculo.


Equipamentos:
- Elmo Comum
- Peitoral de Couro
- Espada Curta
- Escudo Médio
- Lança [Média]
Adaga de Arremesso [x10][✇ - ❶]
**Lança "Deep Fear" [Média][Duas pontas c/ lâminas]*[ferro mortal e bronze celestial]
*** Esfera Explosiva [Média]
**** Kit de Ouro
-  Adaga de Runas £
- Escudo Medonho ☼
__________________
Acessórios:

- Máscara do Medo *
- Cinto de Couro ^
- Anel com uma uva em cristal.
- Canivete grego.
- Isqueiro Zippo.
__________________
Mochila Comum:

- Poção de Cura [Heróico] (x5)
- Poção de Energia [Heróico] (x4)
- Cantil de Cura [Mítico][4 goles]
- Cantil de Energia [Mítico][4 goles]
- Cantil de Cura [Heróico] [2 goles] (5x)
- Cantil de Energia [Heróico] [2 goles] (5x)
- Mercúrio Personalité [Fraco] (1x)
- Marte Personalité [Fraco] (1x)

__________________
Outros:

- **** Chocolate com pimenta
- Camisa insujável ''Lutar Like a Belona''
- Calça de suportes.
__________________
Descrição:
 ^ - Um cinto de couro com três bolsos do lado esquerdo e três do lado direito, em cada bolso é possível levar uma adaga de arremesso ou uma arma de porte pequeno. É possível também, pender itens como espadas porém só UMA arma por vez. Conforme coisas são colocadas o peso aumenta, o que logicamente afeta a velocidade do usuário

**Lança "Deep Fear" [Média][Duas pontas c/ lâminas]*[ferro mortal e bronze celestial] - Lança com duas pontas de metais distintos. Possui metais tratados proporcionando que o usuário perfure, corte e ou danifique equipamentos do seus adversários.
*** O anel contem um a uva em formato
de cristal e deixa o campista com o aroma do vinho. [PRESENTE Dionísio]

**** Paixão violenta
***** Os Kits de Proteção Completos possuem uma Galeus, uma Loriga Hamata e uma Caliga.  

☼ Escudo Medonho: A parte frontal é encantada e mostrará o que seu oponente mais tem medo, fazendo-os, no mínimo, hesitarem.

£ Adaga de Runas: Uma pequena adaga de bronze celestial marcada com a runa Ken ao contrário. Causa paralisia ao alvo por 3 rodadas. Entrará em espera durante 5 rodadas.

- A calça de suporte contem um  suporte para a adaga de runa Ken e encaixe para um cinto portador de adagas de arremessos.



HOWTHORNSKI, Austin.

As sombras me iluminaram.

#14

Re: MvP Teste - AUSTIN HOWTHORNSKI

por Selene em Ter 26 Jan 2016 - 16:02

Selene

avatar
Deusa Menor
Deusa Menor
Ver perfil do usuário
A barreira desaparece completamente. As fúrias parecem sorrir soltando zumbidos que pairam sob os ouvidos do semideus. Austin já se sentia humano, e ele sabia disso porque sentia medo. Lembrou-se de quando era uma criança, lembrou-se de sua mãe. Austin só deu o devido valor a sua mãe depois de sua morte.

Um pesar invadiu o peito do garoto. Saudade. Ele não teve uma vida com sua mãe, sua única família. Ao invés disso teve ela levada pela morte e sua vida desmoronada por um novo mundo cheio de monstros que o queriam morto. Austin não entendeu o porque estar pensando em sua mãe na situação em que ele se encontrava. Ele afastou o pensamento e focou-se em tudo, em Minos.

Minos grunhiu, e chacoalhou sua mão gigante, como quem apontava para algo, ou melhor, chamava algo:

-JUNTE-SE A ELA SEMIDEUS !

Ele balbuciou essas palavras e um feixe de luz prateada surgiu e foi ganhando forma. A mão de Austin se encontrava a frente dele. Utilizava as roupas que usava quando faleceu e mantinha a mesma expressão de quando ainda estava lutando contra o câncer. Ela esboçou um sorriso, que deixou Austin paralisado, fazia tanto tempo que ele não a via.

A mulher debilitada caminhou e parou a frente de seu filho estendendo-lhe as mãos, Austin foi tocá-las mas as atravessou, era apenas o espirito de sua mãe que estava ali. Uma lagrima fantasmagórica escorreu pelo rosto dela e então ela sorriu:

-Meu filho, como você cresceu. Senti tanto tua falta, mal pude esperar a hora de te abraçar novamente.

Austin sentiu um novo aperto além da saudade, era sua mãe ali. Lembrou-se de quando era uma criança. Os cuidados da mãe com ele, mesmo ela sendo distante. Uma mãe era uma mãe e Austin sabia daquilo. O garoto ficou atordoado com a situação e principalmente com a mãe dele.

Minos sorriu e fez uma oferta para Austin, aquilo surpreendeu o garoto. Seria um sonho?

-Morra semideus, e eu o julgarei. Farei com que você e sua pobre mãe vivam nos Elísios para todo o sempre. Livre de qualquer sofrimento.



#15

Austin Howthornski

avatar
Filho(a) de Timor
Filho(a) de Timor
Ver perfil do usuário
A barreira se desfez em meio ao zumbido que os demônios exalavam ao meu redor, era como antes, minha aura era como antes e me senti transfigurado de um corpo forte para um corpo humano. Em meio a tanta confusão corporal eu lembrei da minha mãe, aquela mulher que sempre tinha um obscuro dentro do peito, um escuridão que talvez apenas meu pai tenha a explorado, eram sentimentos e pensamentos que foram capaz de atrair o senhor dos medos.
Minos prosseguia ali, tentando me convencer a tomar uma iniciativa de sacrifício.

-JUNTE-SE A ELA SEMIDEUS !

Acabei me deparando com a minha genitora, lá estava ela com a roupa que usava quando passou seu último dia na terra, sofrendo com o maldito câncer. Era como um holograma, uma alma.


-Meu filho, como você cresceu. Senti tanto tua falta, mal pude esperar a hora de te abraçar novamente.

Talvez eu tenha sido frio para um momento de reencontro, mas apenas sorri de lado e suspirei forte. Lembranças surgiram na minha cabeça, momentos intensos até que Minos falou novamente.

-Morra semideus, e eu o julgarei. Farei com que você e sua pobre mãe vivam nos Elísios para todo o sempre. Livre de qualquer sofrimento.

Era uma proposta e tanto, minha mãe e eu ficaríamos juntos pela eternidade longe de sofrimento, mas não, minha missão ainda não havia sido cumprida. Poderia ser egoísmo da minha parte, era minha mãe que estava ali.

- Minos, você tem propostas bem atraentes, eu confesso. Porém, somos feitos com propósitos e seja lá o que a droga do universo tenha planejado pra mim, talvez esta não seja uma boa hora - digo o respondendo - Eu estava na arena, agora estou ao lado da minha mãe e encarando o juíz do inferno, talvez meu propósito de vida não acabe aqui.

Minha mãe entenderia, ela sempre entendeu. Eu realmente não poderia me sacrificar em meio aquilo, não agora. Propósito de vida pode ser algo complexo e obscuro a se desvendar, mas pra mim, eu não queria a morte.

- Então não Minos, hoje não.

Olho para minha mãe, esbanjando um sentimento de amor eterno.



HOWTHORNSKI, Austin.

As sombras me iluminaram.

#16

Re: MvP Teste - AUSTIN HOWTHORNSKI

por Selene em Sab 30 Jan 2016 - 0:08

Selene

avatar
Deusa Menor
Deusa Menor
Ver perfil do usuário
Austin havia percebido que precisava viver. Sentia a necessidade de deixar sua vida fluir, ter um fututo, um propósito. O filho de Timor recusara a proposta do Juiz do inferno. O pior estaria por vir? Uma incógnita jazia no peito de Timor, ao lado do medo que ele ainda sentia.

O farfalhar da respiração de Minos gerou um grande ruído. Algo mais como um suspiro. Um descontentamento. O Juiz direcionou-se mais uma vez para o frágil e humano Austin:

-Já que preferes lutar jovem meio sangue, lhe darei uma chance. Terás que lutar com vossa própria mãe.

O tom de voz de Minos agora soava como o de um verdadeiro Juiz, emanando ordem e respeito. Minos suspirou mais uma vez e prosseguiu com seu discurso:

-Lutaras com vossa própria mãe, revivi o corpo dela para esta batalha. Tecnicamente ela está viva. Mas um não poderá viver enquanto o outro viver, então terão que lutar até que reste um vivo. E caso você passe Austin, a alma de sua mamãe irá queimar nos campos de punição, e como tormento, escutarás os gritos delas em vossa mente sempre que entrar em batalha.

O espectro cinza de sua mãe foi ganhando tons e intensidades. Os nuances eram mais nítidos a cada milésimo de segundo. Logo a mãe de Austin estava posta a sua frente, mas trajava roupas de batalha.

A mulher usava uma roupa romana de uma legitima amazona. Peitorais, grevas, luvas e até mesmo um elmo. Em sua mão esquerda havia uma Lança longa e em sua outra mão um lindo escudo de ouro imperial estava disposto, pronto para a batalha.

Ela apontou a Lança na direção de Austin e disse:

- Mil perdões meu filho, mas já não aguento mais sofrer aqui. Te coloquei no mundo, agora está na hora de você me retribuir o favor.

Ela disse isso e em um solavanco já estava avançando contra Austin, que por reflexo não fora acertado no peito.  A lança passara pela lateral, quase cortando-o. A mãe frustrada já estava disposta para um novo ataque.



#17

Austin Howthornski

avatar
Filho(a) de Timor
Filho(a) de Timor
Ver perfil do usuário
-Já que preferes lutar jovem meio sangue, lhe darei uma chance. Terás que lutar com vossa própria mãe.

E estas palavras me derrubaram por dentro, a mulher que havia me criado havia de lutar comigo. Seria irônico, a mulher que me criou, me matar. Ao pronunciar estas palavras percebi o tom que Minos ressaltava suas palavras, havia autoridade e agora eu pudia reconhecer que ele agia como um juíz.

-Lutaras com vossa própria mãe, revivi o corpo dela para esta batalha. Tecnicamente ela está viva. Mas um não poderá viver enquanto o outro viver, então terão que lutar até que reste um vivo. E caso você passe Austin, a alma de sua mamãe irá queimar nos campos de punição, e como tormento, escutarás os gritos delas em vossa mente sempre que entrar em batalha.


A idéia de minha mãe queimar nos campos da punição me deixou um pouco desnorteado, minha mãe era uma das coisas mais importantes para meu ser e agora ela estava ali, com uma roupa romana, uma lança longa, um escudo e a determinação para me matar.

- Mil perdões meu filho, mas já não aguento mais sofrer aqui. Te coloquei no mundo, agora está na hora de você me retribuir o favor.

- Humanos morrem, não são imortais mãe - digo me posicionando em Hoplitas. - Serei eternamente grato, mas eu sei que no fundo esta não é você. Desculpe.

Eu também estaria pronto, com meu kit de proteção corporal, meu escudo medonho e minha lança Deep Fear. Iria usar minha experiência em batalha para avançar contra ela que nunca havia lutado antes a não ser contra o câncer, iria correr em sua direção e tentar desferir um golpe horizontal na altura de suas mandíbulas, o corpo dela era vivo, pudia morrer de hemorragia.
Seguido ao ataque me afasto pondo meu escudo medonho em frente ao meu corpo e desviando de quaisquer contra-ataque alheio.
 Caso ela ataque primeiro, também corro em sua direção e posiciono meu escudo em frente ao corpo dela para que ela se contraia contra meu escudo e em seguida tento desferir o golpe na região do pescoço dela, me afastando.

Após os movimentos, observo minha expansão.



HOWTHORNSKI, Austin.

As sombras me iluminaram.

#18

Re: MvP Teste - AUSTIN HOWTHORNSKI

por Selene em Ter 2 Fev 2016 - 21:35

Selene

avatar
Deusa Menor
Deusa Menor
Ver perfil do usuário
E Austin havia percebido o sentido da vida. Percebia que as pessoas nasciam e morriam e era assim que deveria ser. Em exaltação sentimental o garoto fora muito forte. Percebeu que o tempo terrestre de sua mãe já havia passado, e não seria justo interromper sua vida para que ela voltasse a sofrer. Ele preferiu acabar com tudo de uma vez por todas.

Traçou um combate com a própria mãe. Os dois trocaram movimentos rápidos, oque surpreendeu Austin, a mãe estava uma amazona digna. Aparava seus golpes com o escudo e os rebatia com sua lança. Os dois se enfrentavam de igual pra igual, mas a determinação de Austin o dava força, o motivava.

Em uma sequencia muito bem realizada ele conseguiu furar o bloqueio da própria mãe, penetrando sua armadura e atravessando seu peito. Sangue jorrou instantaneamente, provavelmente porque o coração fora perfurado. Austin banhava-se no sangue da própria mãe. Uma cena assustadora, até mesmo para um filho Timor.

Austin assistiu o corpo da mãe voltando a se desfazer em névoas, tornando-se cinza. As fúrias rodearam-na e encheram-na de chicotadas, fazendo seu espirito gritar em agonia. Austin queria impedir, mas por algum motivo estava paralisado, fitando o sangue e ouvindo os gemidos da mãe.

Uma grande fenda abriu-se diante de Austin, fogo ardente era emanado de lá. Chamas hibridas de um vermelho intenso com um tom de âmbar chocante. O espirito de sua mãe era sugado  e ele não podia ajuda-la. Naquele instante ele tivera uma certeza que antes ele não tinha. Aquela era mesmo sua mãe, e por um segundo ela tinha estado viva novamente, mas havia morrido pelas mãos do próprio filho.

A essência dela foi tragado pela fenda, até que não restasse mais nenhum vestígio de sua passagem por ali. Um grito fora sufocado e Austin sabia que não a veria nunca mais. O silencio foi rompido pela grave voz de Minos:

-Muito bom Meio-Sangue. Mostrou-se digno de prosseguir para a liberdade.

Minos então sorriu e as fúrias avançaram. Os chicotes delas desferiram golpes cintilantes no Austin, que se encolheu temendo o pior, a dor. Mas esta não veio. Quando o campista abriu os olhos, estava novamente na sala de julgamento de Minos.

O juiz sentava-se em sua mesa a frente e Austin encontrava-se no meio da sala, como antes. O juiz pigarreou, já não trajava mais sua armadura negra de combate:

-Sabe meu caro, eu Minos, represento a determinação. E mostrou-se digno de prosseguir. Sua determinação o salvara hoje. Mas houve consequências e você fora alertado. Ao mandar a alma de sua mãe para os campos de punição, uma maldição lhe fora entregue. Sempre que lutares Austin, os gritos de sua mãe estarão desviando sua atenção, necessitando de muito mais atenção para ganhar combates.

Minos terminou de falar. Austin esperava mais alguma sentença vinda do Juiz. Mas nada veio. Ao invés de uma nova pronunciação, a porta que se encontrava atrás de Minos abriu e o semideus fora tragado para dentro.

...

Austin agora se via num recinto idêntico ao anterior. Bem, quase isso. Era o mesmo salão de julgamento de antes, porem em outros tons. Era um salão de funeral romano, todo feito de mármore vermelho sangue. Tochas e piras pairavam ao lado de colunas, com imagens de pessoas mortas das formas mais horrendas possíveis. Decapitações, estrangulados e mutilados. Um calafrio percorreu a espinha do semideus. E a sua frente, uma grande cortina prata erguia-se.

Quando se deu conta, o garoto já estava no centro da sala fitando a cortina. Ao se aproximar mais um pouco, a cortina foi sendo puxada, Austin olhou para cima e não viu o responsável por puxa-las.  

A cortina havia desaparecido e Austin via uma mesa de juiz, igual a de Minos. Porém não era Minos que estava sentado nela. Era um outro gigante, que Austin nunca havia visto. O gigante tinha cabelos pretos presos num elegante penteado. A barba era bem feita, digna de um imperador romano. Ao trocar olhares, Austin percebeu que os olhos do homem eram totalmente vermelhos.

-Então você é o próximo? Vamos lá. Sou Radamanthys e irei julga-lo. Conte-me seus pecados.



#19

Austin Howthornski

avatar
Filho(a) de Timor
Filho(a) de Timor
Ver perfil do usuário
Quando o sangue da minha mãe jorrou no chão e ela começou a ser levada aos campos da punição senti uma aflição eletrocutar minhas artérias, essa era a sensação que melhor pode ser explicada, era estranho e apavorante a forma que uma relação entre mãe e filho estava tornando-se, por um segundo parei para pensar em quais outras coisas eu iria bater de frente, já havia conhecido meu pai e revivido minha mãe, o que me esperava? Após questionamentos deixarem minha mente um pouco perturbada, uma grande fenda abriu-se diante a minha mãe, e a mesma emanava um fogo ardente: o que tornava aquilo muito mais interessante.

Logo pude estudar o que eram aquelas chamas hibridas de um vermelho intenso com um tom de âmbar chocante, por aquilo, minha mãe foi sugada para os campos de punição.

-Muito bom Meio-Sangue. Mostrou-se digno de prosseguir para a liberdade.

Liberdade sempre foi uma palavra que sempre tive admiração, odiava ser preso a algo, mas no fundo eu sabia que eu estava preso a mim mesmo, na minha mente obscura. Logo Minos sorrio de lado e vi as fúrias avançarem contra mim, mas antes que eu pudesse cravar minha lança em uma delas percebi que ali não havia dor ou hematoma algum, e logo eu havia retornado a sala de julgamento do rei Minos.

-Sabe meu caro, eu Minos, represento a determinação. E mostrou-se digno de prosseguir. Sua determinação o salvara hoje. Mas houve consequências e você fora alertado. Ao mandar a alma de sua mãe para os campos de punição, uma maldição lhe fora entregue. Sempre que lutares Austin, os gritos de sua mãe estarão desviando sua atenção, necessitando de muito mais atenção para ganhar combates.

 Me senti preocupado, eu já tinha déficit de atenção e agora uma maldição fadada a levar minha atenção embora estava em mim. Com certeza as coisas seriam mais difíceis. Por outro lado, me senti contente em ouvir as palavras de Minos.

Fiquei alguns segundos aguardando palavras do rei Minos, mas nada aconteceu a não ser pela abertura da porta que me levou a outra sala de julgamento um pouco parecida com a anterior, porém com tons diferentes. Eu queria ter agrecido a Minos, mas não houve tempo.

Quando voltei minha atenção ao local, tochas e piras pairavam ao lado de colunas, com imagens de pessoas mortas das formas mais horrendas possíveis. Decapitações, estrangulados e mutilações. Aquilo me fez sentir um calafrio, mas pra mim era incrível. Logo a minha frente uma cortina estava sendo aberta, fiquei curioso.

Quando por fim a cortina abriu-se, vi uma mesa com um outro gigante a minha frente. Será que eu teria que enfrentar outro teste? Observei atento as palavras do juiz.

-Então você é o próximo? Vamos lá. Sou Radamanthys e irei julga-lo. Conte-me seus pecados.

Radamanthys, este juiz me trazia um certo pressentimento que algo muito escandaloso iria acontecer, ainda mais com esta pergunta.

- Olá Radamanthys, você quer que eu o diga meus pegados. Hoje vem sendo um dia difícil, será mesmo que devo apresentá-los ao senhor? Ah, e outra coisa que fez de hoje um dia difícil, qual seu propósito com isto?

Acredito que teria respostas, e fico atento a ataques sempre me defendendo ao máximo possível.



HOWTHORNSKI, Austin.

As sombras me iluminaram.

#20

Re: MvP Teste - AUSTIN HOWTHORNSKI

por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado


#21

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 2 de 3]

Ir à página : Anterior  1, 2, 3  Seguinte

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum