Herois do Olimpo RPG

Fórum de Mitologia Grega baseado em Percy Jackson e os Olimpianos e Os Heróis do Olimpo!

Evento de Recompensas por narrações

Seg 9 Jan 2017 - 23:27 por Quíron

Olá Deuses!

Muitos de nós (Deuses) nos matamos de narrar para os campistas e acabamos não tendo tempo para os nossos próprios personagens. Pensando nisso resolvi criar um sistema de recompensas para as narrações que os Deuses narrarem para os outros campistas.

Todas as narrações que o Deus narrar vai ser avaliada e receberá uma quantidade de xp equivalente a qualidade e o tamanho da narração. Todos os Deuses estão participando desse evento, seja Olimpiano ou Menor.

Toda vez que terminar uma narração você deverá me mandar por mp o link da narração e pedir para que os campistas que participaram também mande mp para mim falando um pouco da narração e dando uma nota …


Comentários: 0

Narração via Skype

Dom 8 Jan 2017 - 21:35 por Quíron

Olá Campistas!!!

Venho trazer para vocês hoje uma narração um "pouco" diferente da original, uma narração via Skype! Sim, isso mesmo.

Todos nós sabemos que a maioria das pessoas não conseguem mais jogar no fórum por conta do tempo, muitos estudam e trabalham e isso impossibilita com que eles consigam postar. Pensando nisso eu resolvi fazer um teste de uma narração pelo Skype.

Peço para que todos postem suas opiniões aqui nesse tópico sobre esse tipo de narração e se elas devem continuar.

narração via skype - Dani e Wel.wav

Comentários: 0

Problemas com as contas Olimpianas

Dom 8 Jan 2017 - 13:29 por Quíron

Olá Olimpianos.

Depois de um backup feito no fórum os direitos de administrador de todos os olimpianos foram retirados automaticamente pela Forumeiros. A princípio é para esse erro já ter sido corrigido, se algum Olimpiano ainda estiver com problemas mande mp ou fale comigo no Facebook: https://www.facebook.com/paulohenrique.morais.9

Desculpe o transtorno, Quiron.


Comentários: 0

Vagas de Deuses Menores!

Sab 17 Dez 2016 - 21:20 por Poseidon


Temos vagas!


Final do ano, férias escolares, fórum ativo. Sabem o que isso significa? Sim, estamos precisando de narradores! Sempre quis narrar para seus amiguinhos mas nunca soube como? Pois bem! Siga os passos a seguir e junte-se à equipe!

Perguntas:


Qualquer um pode ser Deus menor?

Sim, mas devem seguir alguns critérios:
1. Estar no fórum a mais de 1 semana
2. Ter noção de narração e combate
3. Saber tudo que tem no Tutorial de combates, rodadas e turnos


Como eu faço para ser Deus?

Mante um MP (Mensagem Privada) para mim, Poseidon, e eu negociarei os cargos com quem estiver interessado.


Mas eu quero ser Olimpiano, como faz?

Primeiramente, todos deveram começar …


Comentários: 0


Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

 » Arenas » Arena MvP » 

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 1]

MvP Comum -_- Chris e Ghiacco

por Éris em Dom 2 Out 2016 - 16:01

Éris

avatar
Deusa Menor
Deusa Menor
Ver perfil do usuário
Chris Louis era um dos mais novos filhos de Afrodite. Passeava pelo acampamento explorando o seu novo lar.
Enquanto andava um pouco distraído com o reflexo do espelho em sua mão, ele caminhava tão pensativo que não percebeu a aproximação de Marck, um filho de Quione, parado de costas.
Marck vê que é um novo campista e então decide acompanhá-lo numa batalha na arena.
Ao entrarem no local percebem que está um pouco diferente. O espaço estava com uma descida angular de 25°. Chovia fracamente e a frente deles se projetavam duas grandes sombras dos dois tigres com quase 2 metros de comprimento e pêlo cinza com rajadas alaranjadas avançando na direção deles.

(10 metros de distância, cada animal indo em direção a cada campista)

Tigre¹
100/100

Tigre²
100/100



#1

Chris L. Petrova

avatar
Filho(a) de Marte
Filho(a) de Marte
Ver perfil do usuário
O dia estava agradável para uma caminhada, Louis não ficaria parado em algum canto daquele imenso lugar, não naquele dia. Ainda buscava por algumas respostas, não as respostas convencionais, não as ordinárias, estas que talvez demorassem anos para serem respondidas, estas que se resumiam em apenas uma coisa: achar seu irmão, Petrova. A propósito, também procurava o serial killer, mas de longe este era sua prioridade, na verdade, esse era seu trabalho: investigar e encontrar assassinos, portanto, se teve um motivo para ele ter achado o acampamento, este motivo é o "assassino". Ou você poderia simplesmente culpar o destino.

Caminhava até o lago, Louis gostava de olhar seu reflexo na água, mas não pelo motivo que está pensando; não por vaidade e nem de longe por isto, gostava de olhar-se pelo simples fato de achar que os espelhos de água são como um portal para um outro lado, um portal para enxergar a verdade, uma outra face da realidade. E ele caminhava; não demoraria tanto. Enquanto isso a grama verde rastejava com as formigas, as árvores cantavam com os pássaros, o ar balançava com as borboletas. Era irônico olhar e ver tudo aquilo, porque dentro dele era apenas caos e maldade, lutava contra seus demônios todos os dias; caminhava e conversava sozinho, teria se passado como louco se alguém o visse, ou melhor, tarde de mais.

- Oi, você é novo por aqui, não é? - perguntou um desconhecido tocando-lhe o ombro.

Louis o fitou com olhos estreitos, sua mente estava desgastada demais para simular uma simpatia, desgastada demais para fingir ser alguém, desgastada demais para avaliar o jovem a sua frente. Trocou alguns olhares com o mundo a sua volta para depois retornar os olhos ao desconhecido, respondeu-o secamente.

- Sim, precisa de algo?

Contrariando a resposta de Louis, o desconhecido foi mais simpático do que o esperado, ou pelo menos pareceu aos olhos de Chris. Louis não mudou sua postura indiferente, mas permitiu-se abrir um diálogo e ali iniciaram uma conversa. Caminharam ao lago enquanto conversavam sobre famílias, deuses e até gatos; Louis era mais velho que o garoto desconhecido, ele até podia ter mais experiência de vida, mas ali naquele lugar sua idade não significava nada além de números. O desconhecido tocou-lhe novamente o ombro, mais suave dessa vez, "A propósito, me chamo Marck", disse o rapaz. Louis confirmou, não disse nada além de balançar a cabeça. Não quis dizer como se chamava? Talvez. Não fazia diferença, mais cedo ou mais tarde Marck saberia.

Agachou-se à borda do lago e se aproximou do seu-outro-eu. Olhou-se nos olhos, estes trêmulos; tremiam pelo movimento do lago?, ou pelas lágrimas de angústia? Dizem que os olhos, juntos, são a porta para o consciente, para a alma, talvez estivessem certos, ou talvez fosse mais do que uma simples porta, mais do que a alma e o consciente; talvez fosse uma outra realidade, um outro universo. Levantou-se, calmo, olhou nos olhos do garoto, Louis parecia querer dizer algo, mas não disse nada, apenas virou o rosto e deu as costas, já sabiam para onde iam. Seguiram para a arena.
***

Diziam que a arena era mágica, Louis não acreditava, na verdade, não até aquele momento. Ao notar que as leves gotas de chuva molhavam sua roupa e seu suor misturava-se a elas, Chris não tinha mais dúvidas: a arena era encantada, pois até onde se sabia, no acampamento nunca choveria. O estranho terreno fazia os garotos tatearem melhor o chão para que se sentissem mais seguros, afinal, algo mais inclinado poderia fazê-los caírem. Não muito longe dali sombras enormes se movimentavam, pareciam dois felinos. À primeira vista, nada intimidaria Chris, mas, na verdade, poucos sabiam diferenciar os "Chris" dentro do próprio Chris. Um garoto de muitas faces.

Os animais se aproximavam e ambos os guerreiros puderam claramente enxergar contra quem lutariam: dois tigres, enormes, extraordinários. Mesmo de pelagem escura, Chris não notou a diferença entre um tigre comum e aquele, este que apenas parecia ter o dobro do tamanho normal, além de umas presas enormes e aparentava ter, sem sombra de dúvidas, uma força sobre-humana; Chris definitivamente não queria descobrir esta última. Então o jogo começou quando os tigres iniciaram o primeiro movimento. Como um botão de video-game, Chris apertou o play e tudo o que via era apenas os tigres e seu companheiro. Sacou a espada da bainha e a armou para frente, posição de defesa, era tudo que tinha aprendido, nada de mais, embora isto fosse crucial. Louis arfou.

Apenas um dos tigres o olhava, Chris teria ficado mais aliviado em outras circustâncias, mas naquele momento tudo era novo demais, mesmo tudo sendo velho demais. Apontava a arma para o tigre, o homem não precisava saber muito para ter a certeza de que o tigre não avançaria enquanto tivesse uma lâmina apontada para o seu corpo. Talvez tentasse pular com uma das patas, mas Louis estava de olhos abertos para esquivar e fazer um corte no momento mais vulnerável do animal. Louis não deixaria que tirassem sua única arma, a espada, estava atento para contra-atacar quando o tigre menos esperava, sabia, pois, que o monstro atacaria primeiro, porque ele havia avançado.

Mesmo assim, não ficariam parados os dois. Em sua mente, Louis planejava algo. Sabia que o Tigre poderia não querer avançar, talvez isso facilitasse as coisas, ou dificultasse; pontos de vistas diferentes, mas uma única saída: esperar. Com todo o cuidado, Chris não tinha muita experiência, mas já aprendia como se comportar em um combate, cauteloso, cuidadoso, mas ao mesmo tempo audacioso, isso era uma das qualidades mais importantes de um guerreiro. "Não deixe que ele o acerte primeiro", Chris pensou, "Isso o deixará mais confiante." Praguejou. "Sim!! Talvez essa seja uma boa ideia... Se ele me acertar poderá pensar que está ganhando a luta e isso o deixará confiante e menos cauteloso." Louis sorriu. "Ele baixará sua guarda e eu conseguirei acertar um ataque, talvez um dos melhores."

"Este é um bom plano, Chris", disse uma voz gargalhando diabolicamente. Não era a sua própria voz, era outra, seria novamente a mesma voz que... Não, não poderia ser.
Obersvação: Considerar como filho de Marte. Chris já será reclamado. Por alguns motivos e outros, precisei mudar de conta. Desculpa.
Resumindo: Chris pôs seu plano em prática, esperaria até que o tigre avançasse. Sabia que o animal o atacaria, pois o tigre tinha avançado, era questão de esperar o óbvio. Se as coisas tivessem saído fora do planejado, Louis seguiria na defesa e atacaria o tigre em contra-ataque, golpearia o animal quando encontrasse uma falha e uma oportunidade; sempre cauteloso com um toque de audácia.
Equipamentos:
- Elmo Comum;
- Peitoral de Couro;
- Espada Curta;
- Lança Curta [Elétrica].

#2

Marck Ghiaccio

avatar
Filho(a) de Quione
Filho(a) de Quione
Ver perfil do usuário
Acordei com um cheiro ótimo que não sentia a meses, estava garoando, o dia estava perfeito para uma longa caminhada, e é o que descido fazer, visto meu casaco preferido, pego meus equipamentos de batalha, com o pensando em visitar a arena.

A caminho dos campos, avisto vários semideuses nas varandas de seus devidos chalés todos cobertos com lençóis grandes, acompanhados de uma xícara de chocolate quente e um grande livro. Os pássaros estavam mais alegres do que nunca, cantarolavam sem parar, as arvores mais verdes e as ninfas e os sátiros não paravam de saltitar e jogar lama um no outro.

Observando o lugar, encontro um garoto que nunca havia visto na vida, em dias normais eu era bem mais chato e mal humorado, mas hoje era uma exceção e descido dar as boas vindas calorosamente.

- Oi, você é novo por aqui, não é? -Tento conduzir as palavras para que saiam calorosas.

Ou o garoto estava com muita vergonha ou ele não havia simpatizado comigo, porque a resposta do mesmo não foi uma das melhores que já recebi :

- Sim, precisa de algo? -Responde ele secamente.

Não sei o que está acontecendo comigo, em um dia normal eu bateria nesse cara até ele ir parar na enfermaria, mas resolvi tentar novamente, tentando conduzir outro assunto, quando ele começou a falar de gatos, eu já não estava mais interessado, é tanto que prefiro cachorros,tinha lembrado que não havia dito meu nome.

-A propósito, me chamo Marck.

Ele é um tanto quanto estranho,ele assentiu com a cabeça e foi ao lago novamente, e depois saiu, eu entendi que ele estava indo em direção a arena não falei nada, apenas o segui preparado para uma batalha.

Ao adentrarmos na arena, o espaço estava com uma descida angular de 25°. Ainda estava a chover e a frente de nós se projetavam duas grandes sombras de dois tigres com quase 2 metros de comprimento e avançando em nossa direção. Coloco minha Wasaki em punhos, espero ele aproximasse, eles são rápidos e habilidosos, mas farei o possível, tento rolar para o lado e desferir um golpe na horizontal na parte dorsal no monstro.

Acertando ou não, pularei para trás e colocarei a espada em frente ao meu corpo,preparado para esquivar com saltos,giros e rolamentos também atento a qualquer espaço do monstro para fazer um contra-ataque...

Equipamentos:
Equipamento:

- Elmo Comum
- Peitoral de Couro
- Wasaki [Média][Gélida]
__________________
Acessórios:

- Anel de Gelo*

Habilidades Passivas:
Nível 1 – Filho da Neve: Filhos de Quione são resistentes ao frio. Também enxergam bem em meio a nevascas, e não escorregam facilmente no gelo. (+5 CON, +3 AGI )

Nível 1 – Frieza: Os filhos de Quione tem a personalidade fria. Podem ser confundidos com antipáticos e normalmente são imperiosos.

Nível 2 – Frio Aconchegante [Inicial]: Filhos de Quione tem seus poderes e resistência potencializados quando estão no frio. Recuperam 5 pontos de vida e energia por rodada que permanecerem a temperaturas abaixo de dez graus célsius. (+10 CON, FOR, AGI NESSAS CONSIÇÕES)

Nível 3 – Perícia Gélida [Inicial]: Confere o nível de pericia [Inicial] para armas com o descritor Gélido. Não permite o treinamento de outras pericias. (+5 AO ATRIBUTO CORRESPONDENTE À ARMA)

Nível 4 – Camuflagem: Os filhos de Quione podem se camuflar perfeitamente em meio à neve, tornando-se quase invisível em nevascas. Não funciona se o herói estiver usando roupas escuras no meio da neve.

Nível 5 – Regeneração Glacial [Inicial]: Os filhos de Quione podem curar pequenos ferimentos, ao entrarem em contato com a neve ou gelo, esfregando-os no lugar machucado. Recupera cinco pontos de vida. (+5 WIS)











Eu sei, sou uma pessoa fria muitas vezes. Minha frieza é minha proteção
#3

Re: MvP Comum -_- Chris e Ghiacco

por Éris em Qua 5 Out 2016 - 15:52

Éris

avatar
Deusa Menor
Deusa Menor
Ver perfil do usuário
Louis observa o animal se aproximando rapidamente sem movimentar-se.
O tigre em poucos segundos alcança o semideus, rondando e avaliando a presa. Ele avança.
Louis se coloca em posição de defesa para contra-atacar, mas demora. O tigre pula pra cima do semideus e arranha seu braço como se estivesse brincando. Pula pra trás e percebe a linha de sangue próxima a orelha felina.
Marck aproveitava a chuva que caía no rosto, atento ao tigre que chega cada vez mais rápido e avança cauteloso nas pernas do rapaz.

Tigre¹
90/100 (-5 por turno)

Tigre²
100/100

***

Louis
90/100 (-5 por turno)



#4

Re: MvP Comum -_- Chris e Ghiacco

por Mercúrio em Sab 8 Out 2016 - 16:55

Mercúrio

avatar
Deus Olimpiano
Deus Olimpiano
Ver perfil do usuário
MvP Cancelada a pedido de um dos Participantes



Be fast, but not furious.
#5

Re: MvP Comum -_- Chris e Ghiacco

por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado


#6

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 1]

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum